18 agosto 2014

Avantto é sucesso na Labace 2014

A Avantto encerrou a sua quinta participação na  Labace com saldo positivo. A maior Feira de Aviação da América latina, reuniu nos dias 12, 13 e 14 cerca de 60 Expositores e recebeu mais de 15 mil interessados no mercado de aviação.

Já a Avantto, primeira e maior empresa de gerenciamento e compartilhamento de aeronaves comemora os bons resultados. Em relação ao ano passado, o retorno de vendas e prospects dobrou.

Segundo o presidente da empresa, Rogério Andrade, esse aumento se deve a uma maior aceitação do mercado do conceito de compartilhamento. "Percebemos que cada vez mais pessoas e empresas encontram no compartilhamento a combinação ideal entre demanda, conforto e custo quando o assunto é voar," disse.

A Avantto expôs o avião Phenom 300, ideal para voos de curtas e médias distancias. De SP e RJ para as principais capitais latino-americanas sem escalas.


Embraer Phenom 300 
Mais informações sobre gerenciamento e compartilhamento em  www.avantto.com.br

Fonte: Hochmuller Comunicação

12 agosto 2014

Helicidade estará na 11ª edição da LABACE

Situado no Bairro do Jaguaré, ponto estratégico para quem precisa se locomover por São Paulo, o Helicidade oferece serviços premium tanto para passageiros quanto para pilotos.



O Helicidade Heliporto estará presente, pelo 5º ano consecutivo, na LABACE (Latin American Business Aviation Conference & Exhibition), maior feira de aviação executiva da América Latina e segunda maior do mundo, que será realizada entre os dias 12, 13 e 14 de agosto, das 12h às 20h, no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Este ano o Helicidade aumentou a participação no evento e contará com um espaço de 36 m², localizado centro de exposições, corredor 2, estande 2001.

Em 2013, mais de 16 mil pessoas visitaram A LABACE ao longo dos três dias de evento. Para 2014, a expectativa da ABAG (Associação Brasileira de Aviação Geral) é de que o número de visitantes seja ainda maior. “Decidimos ampliar o estande do Helicidade para atender aos nossos clientes e visitantes com mais comodidade ainda”, diz Edson Pedroso, diretor do heliporto.

Considerado um dos maiores heliportos da América Latina e um dos mais luxuosos do mundo, sendo o mais luxuoso do Brasil, no Helicidade os passageiros contam com sala de espera protegida contra ruídos, climatizada e com cafeteria, restaurante, salas para reuniões, confortáveis suítes para pernoite, estacionamento particular com serviço de manobrista. Na recepção há uma revistaria com os melhores títulos nacionais e internacionais, além de loja de conveniências e caixa eletrônico.

Para os pilotos há uma sala confortável, equipada com televisão a cabo, computadores com acesso à internet, serviços de estação meteorológica e até poltronas de massagem, para os pilotos relaxarem entre um voo e outro. Todos os serviços oferecidos aos passageiros também podem ser usufruídos pelos pilotos.

Sobre o Helicidade
Idealizado pelo economista Fabio Tinelli, o Helicidade iniciou as operações em 2002, no bairro do Jaguaré (SP). Atualmente, configura entre um dos maiores centros de serviços especializados para helicópteros do país (Full Service).


Com área de 18 mil m² e um prédio de quatro andares, o Helicidade conta com um heliponto, 11 spots, 4.500 m² de hangaragem, com capacidade para cerca de 80 aeronaves, oficina para manutenção, mais áreas de manobra e abastecimento. 



Mais informações, acesse www.helicidade.com.br ou ligue +55 (11) 3767-3500 / 3939-3500

Fonte: WR Comunicação 
www.wrimprensa.com.br 

08 agosto 2014

Pilatus Aircraft expõe e vende no Brasil avião que deu a volta ao mundo

O PC-12 NG será vendido na Labace (Latin American Business Aviation & Conference) pela Synerjet, distribuidora da Pilatus na América Latina. O novo modelo da companhia suíça, o PC-24, também será apresentado.



A Synerjet, distribuidora exclusiva das aeronaves da Pilatus Aircraft na América Latina, irá expor o turboélice PC-12 NG na 11ª edição da LABACE (Latin American Business Aviation & Conference), que acontece entre os dias 12 e 14 de agosto, em São Paulo. O avião foi usado pela jornalista Amelia Earhart – homônima da famosa aviadora que desapareceu no Oceano Pacífico – para cruzar o globo, em 2014.  

A empresa suíça também apresentará o projeto do PC-24, o novo modelo da companhia, que inaugura uma nova categoria de jatos executivos: o SVJ – Super Versatile Jet. Assim como os turboélices, os SVJs poderão operar em pistas muito curtas e não preparadas, mas terão velocidade, alcance e conforto de um jato médio.

O protótipo do avião teve seu rollout (aparição inaugural) no dia 1º de agosto, na Suíça, e em maio as primeiras 84 unidades do aeromodelo foram vendidas sob encomenda – elas serão entregues entre 2017 e 2019. Três delas foram compradas por brasileiros, que a receberão em 2018. Ainda não há prazo para a aeronave voltar às vendas.

O PC-12 NG é um dos mais populares monomotores do mundo. Com espaço para até nove passageiros, o avião de luxo teve mais de 1,2 mil unidades vendidas no planeta e é usada por executivos, governos e até mesmo como ambulância aérea. A aeronave atinge até 518 km/h (322 mph) e tem uma autonomia de voo de 2.889 quilômetros (1.560 milhas náuticas).

Quando foi usado pela jornalista Amelia Earhart, o avião foi modificado: recebeu um tanque suplementar de 3.100 litros (800 galões), ampliando a autonomia de voo para 4.630 quilômetros (2.500 milhas náuticas). Também foram instalados equipamentos de comunicação via satélite para transmissões ao vivo e uso de redes sociais.

Já o PC-24 terá velocidade de cruzeiro de 787 km/h (489 mph) e autonomia de voo de 3.611 quilômetros (1.950 milhas náuticas) com quatro passageiros. Voará a uma altitude de 13.716 metros (45.000 pés) e sua cabine apresentará nível de conforto acima da média para até dez passageiros na versão de alta densidade ou seis a oito pessoas na versão executiva. A aeronave será certificada para operação com apenas um piloto.

LABACE:

A Labace 2014 é a 11ª edição da feira que reúne tudo que há de novidade da aviação executiva no mercado. A América Latina é detentora de 11% da frota de jatos executivos do mundo, número que segue em crescimento – já existem pelo menos US$ 15 bilhões de Dólares em encomendas até 2023. Estima-se que só no Brasil esse número seja de US$ 8,4 bilhões para até 530 novas aeronaves. No ano passado, a Labace reuniu 180 expositores e apresentou 68 aeronaves, com modelos de até US$ 65 milhões.

Fonte: Porta-Voz Assessoria de Imprensa & Comunicação Estratégica

05 agosto 2014

Procopio Special Vehicles apresenta JETVAN na 11ª edição da Labace

Empresa de customização de veículos transforma Sprinters Mercedes em mobile offices de alto padrão, reunindo itens encontrados em jatos de luxo.


A empresa Procopio Special Vehicles apresenta sua Jetvan na 11ª edição da Labace (Latin American Business Aviation & Conference) – o maior evento da aviação executiva da América Latina e a segunda maior feira de aviação executiva do mundo - que acontece entre os dias 12 e 14 de agosto de 2014, no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo.

Especialista em customização de veículos especiais, a Procopio traz para o cenário automotivo de luxo um conceito de transporte inédito no Brasil, conhecido como Jetvan. Trata-se de uma van do modelo Sprinter Mercedes Benz que, customizada, reúne, internamente, tudo o que se pode encontrar em jatos executivos. 

Com valores médios a partir de R$350 mil, este veículo pode ser equipado com diversos itens que fazem dele tanto um escritório móvel, como um ambiente para traslados e viagens extremamente confortáveis, com modernos recursos de entretenimento. Desenvolvida para funcionar prioritariamente como um mobile office, a Jetvan traz o escritório físico para dentro do carro, otimizando o tempo de executivos que necessitam de mobilidade, segurança e discrição. 


As diversas configurações oferecidas pela Procopio para a Jetvan Sprinter atendem ao estilo, gosto e necessidade de cada cliente. Verdadeiro ‘jato sobre rodas’, a Jetvan conta com todos os adereços e necessidades de um escritório: poltronas de couro retráteis aviation style com massageador, telas de Led Ultra HD, frigobar, bar executivo, Apple TV, modem wi-fi, Playstation, MAC mini e lavabo. 

O interior da Jetvan é montado por artesões selecionados pela Procopio. O carro conta ainda com iluminação quente, fria e indireta, cada uma delas adequada aos diferentes momentos do dia. 

Modelo já consolidado nos Estados Unidos e na Europa, fora do Brasil a Jetvan é utilizada por nomes como Jerry Seinfield, Tiger Woods, Stevie Wonder e Michael Douglas, entre outros. Novidade em território nacional, a Procopio faz o lançamento oficial  do modelo na feira, para atender ao mercado brasileiro de alto padrão, além de entrar no mercado internacional, com preços mais competitivos que seus concorrentes no exterior.

Entre os equipamentos da Jetvan estão:

Poltronas aviation style, revestidas em couro, com massageadores.
Sofá revestido em couro.
Acabamento com lâminas de madeira do tipo rádica nos móveis.
Couro ecológico e/ou suede no revestimento do teto e das laterais.
Iluminação diferenciada com efeito de cromoterapia.
Persianas black-out automatizadas com controle remoto.
Insulfilm black-out especial.
Sistema de áudio e vídeo com TVs LED 3D.
Play Station III.
Processador de áudio e vídeo bit one, cabos e entradas HDMI.
Tablet.
Modem e roteador 4G.
Bar executivo, frigobar e adega climatizada.
Sistema automatizado de abertura da porta lateral, sincronizado automaticamente com o acionamento do degrau de acesso.
Mesas retráteis.
Ar-condicionado.
Amplo porta-malas com cabideiro.
Divisória de vidro para privacidade total dos passageiros, com isolamento termoacústico da cabine do motorista.
Interfone para comunicação com o motorista.
Mesa de centro removível.
Console especial com compartimento cofre.
 
Sobre a Procopio Special Vehicles:

Com mais de meio século de experiência no segmento automotivo, há 10 anos a Procopio se dedica exclusivamente ao mercado de customização de veículos de luxo, desenvolvendo soluções personalizadas em forma de arte automotiva aos seus clientes. Atualmente, a Procopio trabalha com cinco modelos de carros: Jetvans, Jetbus, Limusines, Hearse e SUV Limo President. 

Os produtos desenvolvidos pela Procopio têm como principal objetivo oferecer experiências marcantes sobre rodas, com conforto, tecnologia, design e qualidade dos carros que customiza. 

Fonte: M2 Assessoria de Comunicação

09 junho 2014

Temos Que Ser Bons Atores

A Abordagem Teatral na Gestão de Serviços

Me considero privilegiado por ter sido aluno do Professor Raymond Fisk www.rayfisk.com, um reconhecido especialista americano de marketing de serviços. Fisk criou a teoria da Abordagem Teatral, defendendo que existem semelhanças fortes entre uma Peça de Teatro e uma Empresa Prestadora de Serviços.
Essa abordagem inovadora sugere as seguintes analogias:

Clientes
::  Público
Pessoal que presta o serviço
::  Atores
Local de preparação do serviço
::  Bastidores
Local de prestação do serviço
::  Palco
Processo de prestação do serviço
::  Peça

Como podemos interpretar estas variáveis e introduzi-las no quotidiano das empresas?

O Público fez o esforço de sair de casa, ir até ao teatro e comprar o bilhete de entrada.
Pretende, por isso, ver um bom espetáculo e tem direito a ele. Se isso não acontecer, o público ficará desiludido, não voltará nem recomendará aquela peça ou aquela Companhia de Teatro a amigos e conhecidos.
É exactamente assim que os Clientes das empresas de serviços se sentem e se comportam.
Os empresários e gestores devem refletir sobre esta questão!

Os Atores normalmente são profissionais qualificados, ou seja com formação em artes dramáticas, mas possuem também um perfil adequado ao trabalho que fazem, ou seja, têm talento para lidar com o Público e o conquistar.
Nem todas as pessoas conseguem ser bons atores. É preciso combinar de forma harmoniosa a formação técnica com o jeito e o gosto. O mesmo acontece com os prestadores de serviços. É fundamental que os prestadores de serviços que lidam diretamente com os clientes tenham formação técnica no tipo de serviço que prestam, mas também “transpirem” talento e sejam ‘Entusiastas do Serviço’, isto é, tenham simpatia natural e preocupação genuína em ajudar clientes na resolução de problemas.
Na sua empresa, o pessoal que contata diretamente com clientes tem formação e talento? Pense nisso!

Os Bastidores não estão à vista do Público. Atrás das cortinas, está esse local onde todas as acções são planejadas e preparadas, e onde se presta todo o apoio ao Palco.
O pessoal que trabalha nos Bastidores deve ser tecnicamente competente, dinâmico, com capacidade de organização, contribuindo para o sucesso da peça. Embora não seja desejável, poderão até ser Burocratas dos Serviços, ou seja, ter um perfil de menor simpatia e menor esforço em agradar a clientes. Quem não tem vocação para o palco, poderá ter a oportunidade de estar nos bastidores, onde há trabalho técnico importante a fazer e onde o contacto directo com os clientes não é necessário.
Na sua empresa quem está nos Bastidores?

O Palco está à vista do Público. Deve por isso ser atraente, acolhedor, organizado de forma a facilitar o correto desenvolvimento da Peça e possuir um layout e localização que permitam boa visibilidade e acessibilidade.
Pois assim deverá ser também o local onde as empresas recebem os seus clientes e prestam os seus serviços a eles.
Valerá a pena refletir como está o vosso Palco!

O êxito da Peça de Teatro depende do desempenho de todos, até mesmo do público.
A peça é o resultado dinâmico da interação de atores, público, pessoal de bastidores, em todo aquele espaço envolvente que é o Palco e o edifício do teatro.
A preparação cuidadosa e profissional de todo o processo de prestação do Serviço, o empenho de todos, tanto no “palco” como nos “bastidores”, é crucial para o sucesso da “peça” e para que no final, tanto o “público” como o próprio pessoal da Companhia de Teatro fiquem satisfeitos.
Mas sobretudo, para que o Público fique deliciado!

Hoje em dia, a preocupação em Satisfazer Clientes já não é suficiente. A concorrência também sabe satisfazer clientes. Qualquer empresa ou profissional, no mercado moderno, deverá desenvolver esforços para Deliciar Clientes, se deseja que eles voltem e os recomendem.

Acredito que estas ideias possam ser inspiradoras para a reorganização eficaz dos vossos negócios.

As aulas do Professor Raymond Fisk foram sempre momentos de reflexão e inspiração que não esquecerei.

Antonio Paraíso
Consultor e Palestrante
www.antonioparaiso.com

04 maio 2014

Internacionalização das marcas de luxo

Seguindo com os post sobre mercado de luxo global, Antônio Paraíso nosso colaborador do MAC Luxury Blog na Europa, fala um pouco sobre a internacionalização das marcas e da algumas dicas de como ganhar e desbravar as fronteiras do mercado internacional.

Assista e compartilhe:


Antonio Paraíso 
Consultor e Palestrante
www.antonioparaiso.com

01 maio 2014

Miami Lifestyle TV, Luxo e Entretenimento

Caros amigos,  o post de hoje do MAC Luxury Blog  vem mostrar uma tendência que está extremamente em alta no mundo todo, o conceito LifeStyle.

Uma palavra de origem inglesa, que se refere ao estilo de vida. São pessoas que possuem um bom gosto refinado, que frequentam lugares e festas exclusivas, usam grifes luxuosas e tem um padrão de vida bastante sofisticado.

Seguindo essa onda me deparei na internet com uma galera brasileira super antenada e resolveram traduzir esse conceito em um programa de TV.

Estou falando do Miami Lifestyle TV, que na verdade é um programa de entretenimento, que tem o propósito de levar aos brasileiros, um mix de entrevistas, luxo, cultura, informações, curiosidades e tudo o que Miami oferece de exclusivo.

Todas as edições eles trazem convidados especiais, e mostram com maestria o glamour de uma das cidades mais freqüentadas do mundo.
Sem dúvida nenhuma Miami é o destino preferido dos brasileiros com diversas praias, Resorts, shoppings, vida noturna intensa e muitos outros atrativos que transformam a cidade em um paraíso a céu aberto.

Gui Popp e Karina Michelin em gravação para o Miami LifeStyle
Com todos esses requisitos o programa Miami LifeStyle TV leva a todos os telespectadores entretenimento e estilo de vida aos apaixonados por Miami.
O programa pode ser visto através do site www.miamilifestyle.com.br e conta também com galeria de fotos exclusivas e muitas outras dicas sobre os melhores lugares de Miami.
A equipe do Miami LifeStyle TV é composto por grandes profissionais de diversas áreas e com muita bagagem para deixar você bem informado com os acontecimentos em uma das cidades mais atraentes do Estados Unidos.

Acompanhe alguns vídeos abaixo e confira um pouco do Miami LifeStyle TV:






Maiores informações:
Site: www.miamilifestyle.com.br
Contato: karina@miamilifestyle.com.br

26 abril 2014

Novo Bell 429WLG chega ao Brasil


O mercado de aviação brasileiro realmente não para de crescer, dessa vez o motivo de tanta euforia foi a chegada do novíssimo Bell 429 WLG, onde tivemos o privilégio de participar da demonstração do seu primeiro voo no Brasil.

Foto: Marco Aurélio Chaves
Lançando em outubro de 2013 durante a conferência da Associação Nacional de Aviação Executiva americana (NBAA), a nova versão do helicóptero Bell 429 WLG (Wheeled Landing Gear) mescla as capacidades avançadas do Bell 429 com a moderna flexibilidade operacional do trem de pouso com rodas retrátil. 

Com recente anúncio da certificação da aeronave Bell 429 WLG (Wheeled Landing Gear) pela Agência Nacional de Aviação Civil do Brasil (ANAC) e pelo órgão certificador canadense, o mercado brasileiro ganha ainda mais em competitividade com a chegada dessa aeronáve.


 “Com a opção de trem de pouso retrátil, nossos clientes têm uma flexibilidade ainda maior para pouso, táxi e deslocamento do Bell 429. Esses benefícios significam que tanto as tripulações de voo quanto os passageiros podem economizar tempo e esforço para chegar onde precisam”. Disse  Danny Maldonado, vice-presidente executivo de Vendas Comerciais e Marketing da Bell.


Com um alcance de 412 milhas náuticas e velocidade de 153 nós, o Bell 429 WLG oferece um desempenho excepcional, com capacidades de IFR single pilot. O “glass cockpit” é totalmente integrado com dois ou três monitores multi- função, duplo piloto automático digital, gravador digital de dados integrado ajudam aumentar a consciência situacional e o nível de segurança para todos a bordo.

A TAM Aviação Executiva é representante oficial da Bell no Brasil, para maiores informações acesse: www.tamaviacaoexecutiva.com.br 
Congonhas - Hangar 1 (Sede): 11 2890-7800
R. Monsenhor Antônio Pepe, 94 - 04357-080 - São Paulo/SP

03 abril 2014

Benetti Delfino 93, Zaphira no Rio Boat Show 2014

Viareggio, Itália - O estaleiro da Benetti em Viareggio, Itália, escolheu o Rio Boat Show - que acontece de 9 a 15 de abril de 2014 - para sua grande estreia no Brasil. Estrela entre as estrelas a representar o estaleiro, será o quinto exemplar da Delfino 93 no mundo e a primeira designada a um proprietário brasileiro.

Benetti Delfino 93 ' - Class Range - é uma profunda conexão entre a história e a inovação Benetti. O primeiro iate a motor com este nome foi introduzido 40 anos atrás, no Gênova Boat Show de 1969.

Benetti Delfino 93, Zaphira Créditos: Azimut-Benetti/Divulgação

Zaphira (BD005), quinta da série, é a combinação perfeita da qualidade e da experiência acumuladas pelo estaleiro italiano nesse modelo de grande sucesso. É um barco que se destaca desde o primeiro olhar pelo casco de cor azul suntuoso e pela placa que estampa o nome criado pessoalmente pelo armador, um verdadeiro amante do estilo italiano "Made in Benetti”.

E é com esse iate, o maior e mais luxuoso do salão náutico brasileiro, que Benetti e sua equipe decidiram encantar o público do Boat Show no Rio de Janeiro e mostrar, em grande estilo para os proprietários brasileiros, que a partir de agora poderão contar com a presença da marca Benetti no país.

28,5 metros de comprimento e uma largura máxima de 7,03 m, Delfino 93' representa um excelente resumo de toda a experiência e do estilo Benetti: "Nós estabelecemos um novo padrão de excelência em apenas 24 metros,” comenta Stefano Righini, responsável pelo conceito e pelo estilo deste e de outros barcos da “Class Range”.

O bulbo da quilha na embarcação tem duas vantagens importantes. A primeira está relacionada à segurança adicional em caso de impacto contra objetos parcialmente submersos e a segunda, à melhora no desempenho hidrodinâmico. Delfino 93 ' foi um dos primeiros transportes de deslocamento com instalação de estabilizadores elétricos que garantem navegabilidade superior, tanto no mar como ancorado, além de um padrão de conforto de alto nível.


O cuidado extremo em todo o processo construtivo e em qualidade aliam também conforto a bordo e redução signiticativa de ruído e vibração.  Ao longo do deck flutuante dos pisos inferiores foram instalados novos materiais nas placas tipo “sanduíche” que garantem  uma transferência menor de ruído da estrutura para o interior.

São características distintivas para o sucesso comercial do Delfino 93 ' desde a sua estreia.
Delfino 93 ' pode ser considerada um grande iate envolvido em um tamanho compacto pelas soluções únicas de design que concentra, pelas instalações técnicas impecáveis além de um ambiente amplo e confortável, típicos de barcos de dimensões bem maiores. Tudo isso é possível em virtude de seus 7,03 metros de tabuleiro largo que proporcionam extremo conforto no convés inferior. Em Zaphira, além da cabine, estão dois grandes camarotes VIPs e duas cabines de hóspedes com duas camas individuais e camas extras para acomodar confortavelmente 12 passageiros. A configuração inclui um arranjo longitudinal de leitos para o máximo de conforto.

As linhas externas de Stefano Righini têm um estilo altamente inovador e são caracterizados por grandes e contínuas superfícies de vidro que permitem ao proprietário e aos seus convidados desfrutarem de vistas deslumbrantes para o mar. Destaca-se, em especial, os vidros da cabine principal, extensa, mesmo na presença da passagem lateral.
As grandes janelas oferecem funcionalidade vertical e conforto de condução, mesmo na casa do leme, cujo interior é concebido como um grande transporte para desfrutar de uma visibilidade a 180°, motivo que faz com que o iate Delfino 93' seja agradável de se manusear até mesmo para o seu proprietário.

Devido à técnica de construção aplicada por Benetti, embora com comprimento total de 28,5 metros, graças ao seu comprimento de construção igual a 23,98 metros o iate está registrado como uma embarcação de recreio, portanto, também ideal para atender às necessidades do capitão do barco.
Carlo Galeazi desenhou os interiores com uma sofisticação equilibrada: a decoração é contemporânea e cada um de seus elementos faz parte de um todo harmonioso, conferindo uma arquitetura perfeita em cada área.

750 metros quadrados de superfície são revestidos em couro italiano, escolhido a dedo pelo proprietário. Entre as seleções: couro branco perolado para os sofás e cabeceiras, e crocodilo perolado para as gavetas dos móveis da sala de estar, bem como mármores elegantes.

Em Zaphira, painéis de ébano escuros no interior e teca natural no convés criam um contraste brilhoso, natural e elegante. As combinações de jogos de luzes e sombras produzem uma sensação de amplitude e de relaxamento. Os banheiros são em mármore: “branco estatutário” para as cabines do proprietário e dos hóspedes e “spider” com veios em tons quentes, laranja e vermelho, para o lavabo.
Na plataforma, há mesas de teca personalizadas com motivos quadriculados, e na sala de jantar, um ébano personalizado e mesa de vidro com um espaço de armazenamento na base.

A luz - natural e artificial - é também um elemento chave do projeto. Iluminação indireta é utilizada em conjunto com as grandes janelas em vidro fumê que reforçam a sensação de elegância e criam uma atmosfera acolhedora. As luminárias são de Oluce e Estro.
A Delfino 93' faz excelente uso dos espaços. Há grandes áreas de armazenamento nos exteriores e interiores incluindo: banheiros, grandes camarotes para convidados e tripulação, e confortável, ergonômica e distinta circulação vertical.

Os espaços mecânicos foram otimizados para ocupar um espaço menor, graças aos sistemas elétricos e eletrônicos BEST – exclusividade Benetti - a bordo. Privacidade e serviço superiores são assegurados pela divisão perfeita das áreas dos hóspedes e da tripulação.
Em Zaphira, assim como em todos os modelos Delfino 93', as muitas áreas ao ar livre, diferentes e bem organizadas, (no total de 141 metros quadrados) permitem que os convidados circulem livremente. A partir do sunpad ao posto e comando, e por toda a imensa área do flybridge, um toldo elétrico fornece sombra quando necessário. Jacuzzi para 6 pessoas foi projetada especialmente pela Benetti para a linha Delfino 93 '.
Uma vez a bordo Zaphira, é fácil esquecer que a embarcação tem apenas 93 pés. Tudo parece grande, funcional e equilibrado, tornando Delfino 93' não um iate compacto, mas sim um pequeno megaiate Benetti.

Os dois motores MTU significam que o super iate alcança uma velocidade máxima de 14 nós, uma velocidade de cruzeiro de 13 nós, e um alcance médio de 1.500 milhas náuticas a 10 nós.



Principais características técnicas - BD005 M/Y Zaphira
Construtor                                         AZIMUT-BENETTI SPA – Estaleiro Benetti, Itália.
Ano de construção                            2012
Material                                             GRP
Comprimento                                     28,50 m 93’ 6”
Comprimento (ISO 8666)                  23,98 m 78’ 7”
Largura                                              7,03 m 23’ 1”
Projeto                                               1,73 m 5’ 7” @ keel- 2,05 m 6’89” @ stabilizer fins
Deslocamento-carga completa        127t
Capacidade de combustível              16.000 litros (4.227 US gal)
Capacidade de água                           2.300 litros (607US gal)
Propulsão                                           2 x MTU 8V2000 M72 rated at 720kW @ 2250 rpm 14
Velocidade maxima                          13,5 nós
Velocidade de cruzeiro                     12,5 nós
Autonomia em 10 nós                       1.500 n.m.
Gerador                                             1 x Kohler 55kW 55EFZD
Bow thruster                                     TWIN DISC 30kW hidráulico
Estabilizadores                                  Stabilization at anchor CMC Marine 5kW
Hélices                                                Benetti Design
Sistemas elétricos e eletrônicos   BEST Benetti’s Exclusive Sea Technology
Conceito e estilo exterior                 Stefano Righini
Design interior                                  Carlo Galeazzi
Camas de convidados                        12 guests
Camas da tripulação                         3 crew
Classificação                                      CE cat. “A”, MGN280 COMPLIANCE.

Sobre Benetti
• Com maior taxa mundial de crescimento entre os construtores de iates a motor de luxo, Benetti é um ícone, criando estilo italiano atemporal e elegância combinada com construção soberba. Fundada em 1873, Benetti é o mais antigo estaleiro de iates a motor de luxo italiano.
• Cada barco é único e trabalhado em torno das necessidades de seu proprietário.
• Benetti projeta, constrói e vende duas linhas de produtos: Class Range - iates de 93 a 145 pés. Custom – iates de aço e alumínio com mais de 47 metros.
• Benetti conta com três unidades de produção: Viareggio (77.707 m2), Livorno (219.440 m2), e Fano (48.837 m2).
• A sede da Benetti está localizada em seu edifício histórico em Viareggio, Via Coppino, com escritórios em Livorno, Fort Lauderdale e Hong Kong.
• Benetti faz parte do Grupo Azimut / Benetti, maior grupo de capital privado do mundo no mercado de luxo náutico.

Benetti online
www.benettiyachts.it
www.azimutbenetti.it
facebook.com/benettiyachts

pinterest.com/benettiyachts/

Créditos: Azimut-Benetti/Divulgação - Rotas Comunicação

25 março 2014

A Criatividade no Mundo do Luxo (Parte 2)

Parte 2, por Antonio Paraíso

Continuando a reflexão que apresentei na parte 1 desse artigo, uma outra fonte de inspiração e criatividade para as marcas de luxo é o storytelling, ou seja, a arte de saber contar histórias, como forma criativa de envolver a imaginação dos consumidores, desenvolver o componente intangível da marca e acrescentar valor ao produto.

A marca de champagne Pol Roger tem uma edição limitada ‘Sir Winston Churchill’, em embalagem cuidada e com um livrinho que fala da amizade que unia a família Roger e o político britânico, e conta episódios das estadias de Churchill na propriedade da família Roger na França, em Épernay, na região do champagne.

The Scotch Malt Whisky Society convidou 26 escritores e 26 designers para provas cegas de 26 marcas de whisky, para conversarem enquanto bebiam, se deixarem inspirar pela conversa, pelos aromas e paladares e criarem conjuntamente rótulos para as garrafas de whisky. Os escritores escreveram palavras soltas, pequenas frases e poemas e os designers deram interpretação gráfica a esses escritos. O resultado é uma caixa de colecionador com 26 garrafas de whisky, com rótulos originais e o livro ‘26’, que conta toda essa experiência vivida. Um sucesso de vendas!

A casa italiana Tod’s lançou a mobile App ‘My Life is in this bag’, que apresenta seis mulheres e as suas vidas. Conta histórias, mostra produtos e facilita a identificação das consumidoras com a marca.

Os desportos de elite são uma paixão das classes altas e uma fonte de inspiração para as marcas de luxo. Ralph Lauren adoptou há muitos anos a prática de polo, como imagem de marca dos seus produtos e logótipo. Prada lançou no ano passado uma linha de fragrâncias inspiradas em desportos náuticos. E a marca exclusivíssima de champagne Boërl & Kroff organiza e patrocina há vários anos, os torneios de snow-golf em Gstaad, onde milionários de todo o mundo se reúnem, para jogar golfe na neve e beber o mais raro champagne do mundo.

Anúncio Prada Luna Rossa

Provocar os sentidos e proporcionar experiências são a essência do luxo. As marcas desse universo sabem fazê-lo muito bem. Six Senses é provavelmente a mais mediática marca de spas de luxo, em todo o mundo. O spa de Laamu, Maldivas conquistou o prémio de Best International Spa 2012 e prepara um buffet de experiências que desperta os 5 sentidos em simultâneo. O sexto sentido é a sensação conseguida quando os 5 sentidos são estimulados em conjunto.

Six Senses Laamu - Photo by Sakis

El Celler de Can Roca, na Espanha, é o Melhor Restaurante do Mundo, tem 3 estrelas Michelin e deve o seu mediatismo essencialmente à criação de sobremesas com aromas de perfumes Bvlgari e Lancôme, entre outros. A sobremesa vem com uma amostra do perfume para o cliente poder comparar o aroma da sobremesa e da fragrância.

A primeira e única marca verdadeiramente de luxo nos telefones celulares - Vertu - produz manualmente cada peça, na Europa, com design de alta relojoaria, telinha com película fina de cristal de safira, revestimento em couro de lombo de crocodilo, sistema de som de alta fidelidade, com música exclusiva encomendada à London Symphony Orchestra, Serviço de Concièrge em qualquer parte do mundo e uma mobile App desenvolvida em parceria com a Ferrari, que indica ao proprietário, qual o espaço de estacionamento livre e seguro, mais próximo. Tudo isto para estimular os sentidos e provocar experiências.

Finalmente, o erotismo, sedutor e velado, também fornece esporadicamente a inspiração a algumas mentes criativas no mundo do luxo. Uma campanha publicitária de automóveis usados Premium Selection da marca BMW é prova disso. A publicidade mostra uma imagem de uma mulher muito sensual, o logótipo da marca BMW Premium Selection Usados  e a frase: “Você sabe que não é o primeiro, mas será que você realmente se importa?” A mensagem é muito subtil, inteligente e certeira no seu público-alvo. Genial.

Anúncio da BMW 

E para além da elasticidade mental e da observação dos consumidores, a criatividade, sobretudo no universo do luxo, requer ousadia e assunção de risco. Séneca (4 a.C. - 65 d.C.) célebre filósofo do Império Romano dizia e cito “... os riscos devem ser corridos, porque o maior perigo é o de não arriscar nada. Existem pessoas que não correm nenhum risco, não fazem nada, não têm nada e não são nada. Elas podem até evitar sofrimentos e desilusões, mas não conseguem nada, não sentem nada, não mudam, não crescem, não amam, não vivem. Acorrentadas pelas suas atitudes, ficam escravas, privam-se de sua liberdade. Somente a pessoa que corre riscos é livre!" 

António Paraíso
Consultor
www.antonioparaiso.com 

22 março 2014

A Criatividade no Mundo do Luxo

(Parte 1, por Antonio Paraíso - Portugal)

O consumidor com um poder de compra despreocupado tem sempre expectativas muito altas, aprecia o inesperado que faz vibrar a vida e quando é surpreendido, raramente coloca em questão o preço. Por esses motivos, a criatividade permanente é um dos ingredientes fundamentais para que qualquer produto ou serviço de luxo, verdadeiramente o seja. Quo vadis, Luxus?

A capacidade criativa fascina. Sinto admiração pelas as mentes talentosas que criam, inspiram, provocam e surpreendem, seja nas artes ou nos negócios.

O livro “Memórias de um Amnésico”, do compositor e pianista francês Erik Satie (1866-1925) é um exemplo de criatividade fascinante e provocadora. Uma delícia para o intelecto. Satie já tinha revelado seu gênio na música e me surpreendeu com a sua forma de escrever.

Se nas artes, eu admito que a criatividade quase que vale por si própria, no mundo dos negócios não é assim e ela é matéria-prima para a inovação. De forma simplista, podemos dizer que a criatividade é a capacidade de gerar ideias originais, sendo a inovação, a capacidade de aplicar essas idéias ao negócio e, dessa forma, gerar produtos, serviços e processos com valor para o mercado.

No universo do luxo, o desafio constante é o de transformar a criatividade em rentabilidade, como muito bem afirma Maria Eugénia Girón, que foi minha professora em Madrid e é especialista em gestão de marcas de luxo.

E onde procuram as marcas de luxo a inspiração e essa criatividade tão necessária? Bom, desde logo, para ser criativo e surpreender, é essencial desenvolver e alimentar regularmente a elasticidade mental, a capacidade de pensar de forma elástica e fora do óbvio. Garantida essa condição, depois será importante observar regularmente os clientes.

Quem consome luxo, sobretudo por prazer pessoal e não tanto por competição social, normalmente vai ao teatro, lê livros, compra arte, ouve orquestras, gosta de desportos de elite, aprecia a beleza e a alegria de viver.

Consequentemente, as marcas premium e de luxo normalmente buscam inspiração e criatividade na arte e cultura, em storytelling, nos desportos de elite, na provocação dos sentidos, na vivência de experiências inesperadas e por vezes também no erotismo, sempre de forma sedutora, elegante e velada.


Charlize Theron para J´adore Dior 

Existem exemplos interessantes de todas estas fontes de inspiração e criatividade no universo do luxo. No tocante a arte, Louis Vuitton convida regularmente artistas plásticos para desenharem coleções exclusivas e decorarem as suas lojas em várias cidades.

Yves Saint Laurent em 1965 lançou uma coleção de vestidos, totalmente inspirada num célebre quadro do pintor Piet Mondrian.

A marca de acessórios de luxo Montblanc tem várias edições exclusivas de canetas, sendo as mais valorizadas no mercado dos colecionadores, as peças inspiradas em escritores notáveis, desde Wilde a Hemingway, de Dostoevsky a Kafka, de Voltaire, a Cervantes, Verne ou Proust, entre muitos outros vultos da escrita mundial.


Montblanc - Dostoevsky
Detalhes de cultura e etnografia motivaram também marcas conhecidas. Em 2011, a casa Hermès lançou uma edição limitada de vestidos inspirados no sari indiano. Vacheron Constantin, relojoeiro suíço, concebeu relógios com detalhes de máscaras tribais e arte primitiva. São verdadeiras peças de coleção e sedução.

E em 2009, John Galliano, que na época ainda estava na casa Dior, regressado de umas férias no Quénia, surpreendeu o mundo ao criar as sandálias Déese, cujo salto é uma mini-escultura da Deusa da Fertilidade da tribo Masai.


Dior Deesse Shoes

Foi o modelo de sandálias mais mediático de sempre da marca Dior e um dos mais desejados. Fim da Parte 1 – Em breve a parte 2

António Paraíso
Consultor
www.antonioparaiso.com

24 fevereiro 2014

O Charme como antídoto à democratização do luxo (Parte 2, por António Paraíso - Portugal)


Analisemos os 5 fatos que, aparentemente, confirmam essa tendência crescente de valorizar cada vez mais a intangibilidade no relacionamento com clientes.

O gabinete de tendências Des Faits Des Actes, da agência francesa Saguez & Partners deu o pontapé de saída, há poucos anos, quando promoveu a Smile Attitude. Esta maneira de estar nos negócios foi sendo adotada e interpretada de forma diferenciada por várias marcas, tendo sempre como objetivo a felicidade e o bem-estar dos clientes.

Depois, o Grupo Kaplan Thaler, agência de comunicação de Nova Iorque, publicou o livro The Power of Nice, pela mão das suas administradoras, incentivando a simpatia genuína, o bom-senso e a atitude positiva como forma de deliciar clientes.

Guy Kawasaki, grande pensador e inspirador no mundo da gestão, empreendedorismo e tecnologia, escreveu o livro Encantamento, um verdadeiro manual da arte de criar emoções e atitudes vencedoras nos negócios. Leitura obrigatória para todos aqueles que se preocupam em encantar clientes.


Guy Kawasaki - Encantamento

A revista Monocle, verdadeira bíblia de exclusive lifestyle trends, dedicou uma edição completa ao charme que alguns negócios e marcas possuem e que se transmite pela elegância, eloquência, sobriedade, simpatia genuína, convicção, opinião própria, integridade, honestidade, instinto e paixão sem qualquer esforço, por parte daqueles que trabalham nesses negócios e lidam com seus clientes. O charme não é mensurável e não pode ser copiado pela concorrência. Ele deverá ser alimentado e cultivado. Não pode ser comprado, já pronto. E é transmitido por pessoas, para proporcionar o verdadeiro luxo do cliente se sentir único, especial e feliz.

O insuspeito Luxury Institute em Nova Iorque, confirmou essa tendência e convida as marcas de luxo a melhorar a sua Cultura de Cliente, que deverá ser sempre interpretada por customer-centric people, ou seja, pessoas naturalmente preocupadas com o cliente, muito ricas em inteligência emocional. Os estudos desta organização americana provam que as marcas de luxo conseguem aumentar a retenção de clientes e potenciar sua fidelização, quando os seus colaboradores colocam o relacionamento com charme, simpatia e sinceridade em todo o processo de interação com o cliente.


Foto: Divulgação
O Luxury Institute diz que a concorrência pode copiar produtos e serviços, mas não pode copiar a atitude daqueles que vivem os valores da marca, que a transmitem e a vendem todos os dias. E propõe um conjunto de ações que as marcas premium e de luxo podem desenvolver para reforçar essa cultura de cliente, das quais destaco o recrutamento de customer-centric people, que saiba construir relacionamentos, o desenvolvimento de uma cultura baseada em valores e a criação de padrões que permitam que os colaboradores vivam esses valores da marca, a implementação de pequenos rituais diários, que potenciem a motivação dos colaboradores e a manutenção dessa chama acesa com um sistema de compensações e celebrações condizentes com os valores que a marca respira.

Claudio Fernández-Aráoz, especialista em gestão de talento e partner da multinacional de recrutamento Egon Zehnder International, com quem eu estive no evento ExpoManagement em Madrid, defende que a inteligência emocional, mais do que o quociente de inteligência, é a característica mais valiosa que deve ser procurada e recrutada quando buscamos customer-centric people para trabalhar na nossa marca.

E eu aqui vos recordo um conceito, que me é particularmente caro e sobre o qual já escrevi num outro artigo: me refiro ao CHO - Chief Happiness Officer.

As marcas premium e de luxo, neste contexto de globalização, hipermodernidade, turbulência de mercados, concorrência galopante e homogeneização crescente de produtos e serviços, precisam trabalhar cada vez mais o valor intangível da sua marca, sendo portanto imprescindível que haja um profissional que combine, de forma harmoniosa, a formação técnica e o talento para pensar, organizar e gerir todo o processo que garanta a felicidade dos colaboradores da marca, e sobretudo, dos seus clientes, no momento de compra do produto ou de consumo do serviço. Esse profissional só pode ser o Chief Happiness Officer

Antonio Paraíso
Consultor e Palestrante
www.antonioparaiso.com
Novo Catálogo : http://www.slideshare.net/antonioparaiso/antonio-paraiso-palestrante-26714492

16 fevereiro 2014

O Charme como antídoto à democratização do luxo. (Parte 1, por António Paraíso - Portugal)

Nos últimos anos, o luxo se está democratizando, sobretudo devido a fenômenos de globalização, hipermodernidade e “trading up”. Consequentemente, as marcas aumentam vendas, mas lentamente os produtos e serviços de luxo se tornam mais semelhantes entre si e perdem valor, por isso mesmo. O novo antídoto de diferenciação das marcas de luxo será a aposta permanente em colaboradores que transmitam simpatia genuína e charme, como forma de proporcionar prazer e felicidade a seus clientes. Quo vadis, Luxus?


Luxury Winter Outfits for Mens and Women by Burberry

Thomas L. Friedman, no seu livro O Mundo É Plano, analisa o fenómeno da globalização e do crescente nivelamento das diferentes regiões do mundo, no tocante ao desenvolvimento das sociedades e seu acesso a produtos e serviços, em geral.

Gilles Lipovetsky, filósofo francês, contemporâneo, que foi meu professor no Master de Gestão de Luxo em Madrid e com quem conversei sobre a evolução sociológica do luxo e as ideias do seu livro O Luxo Eterno, foi dos primeiros a constatar que a sociedade hiper-moderna e do hiper-consumo, conduziu ao surgimento de diferentes níveis de luxo e à sua democratização.

Michael Silverstein, especialista americano em marketing de consumo e consultor do Boston Consulting Group, no seu livro Trading Up, explica como as classes médias, em todo o mundo, mas sobretudo nos Estados Unidos da América, nos últimos anos, dirigiram a sua procura para produtos premium, que lhes proporcionem sensação de prestígio e envolvimento emocional.

Esses fenômenos, aparentemente avulsos contribuíram, de alguma forma, para que os produtos e serviços de luxo se tenham tornado um pouco mais homogêneos do que antes o eram. Mas o luxo, para o ser verdadeiramente, é único e faz com que o seu consumidor se sinta especial. A designer Silvia Tchessari diz que “o luxo é a expressão máxima da elegância sem esforço e portanto é algo intangível”. Concordo!

E é precisamente nesse sentido que apontam as últimas tendências no mercado do luxo.
A intangibilidade proporcionada essencialmente pelo momento, pela interação com colaboradores da marca, que são os seus verdadeiros embaixadores e devem fazer tudo para que o cliente se sinta único, especial e feliz.

Na segunda parte deste artigo, apresentarei 5 fatos que confirmam essa tendência.
Fim da Parte 1.

Antonio Paraíso
Consultor e Palestrante
www.antonioparaiso.com
Novo Catálogo : http://pt.slideshare.net/antonioparaiso/antonio-paraiso-palestrante-26714492